Boletim Epidemiológico Afonso Cláudio (semana 03) – 2019

Boletim Epidemiológico Afonso Cláudio (semana 03)

 

A Vigilância em Saúde vem por meio deste, informar a população o Boletim epidemiológico da Dengue, Zika e Chikungunya.

 

DENGUE

 

Casos Suspeitos de Dengue notificados da primeira semana a 3ª semana de janeiro: 17 Casos notificados, dentre estes 01 confirmados. Segue abaixo o quantitativo de casos suspeitos e confirmados para dengue, de acordo com os bairros:

 

BAIRRO TOTAL DE CASOS SUSPEITOS NOTIFICADOS TOTAL DE CASOS CONFIRMADOS
Interior 06 00
Campo 21 01 00
Campo 20 00 00
Centro 01 00
São Vicente 02 01
Vila Nova 00 00
Boa Fé 02 00
Grama 01 00
Residente fora do município 03 00
Colina do Cruzeiro 00 00
Itapuã 00 00
Chácara da providência 00 00
São Francisco (Vila) 00 00
Fazenda Guandú (Vila) 01 00
Piracema (Vila) 00 00
Lagoa (Vila) 00 00

 

Os casos de Suspeita de Dengue aumentaram significativamente na última semana, temos que estar em alerta, assim como no ano de 2018 corremos grande risco de ter novo Surto no Município.

Até o momento, no ano de 2019 não houve casos de Zika e Chikungunya notificados, mas esse quadro pode mudar a qualquer momento. A Vigilância ambiental tem encontrado em diversos locais do município focos positivos do Mosquito Transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya. Não espere sua Família adoecer para ajudar a eliminar possíveis criadouros do mosquito, faça sua parte em quanto é tempo:

  • Mantenha os reservatórios e qualquer local que possa acumular água totalmente cobertos com telas/capas.
  • Mantenha o quintal e terrenos limpos, livres de mato, assim possibilitando a visualização de possíveis focos.
  • Receba bem o Agente de Endemias em sua residência.
  • De forma complementar, realize a proteção individual com uso de repelente e se possível use cortinados ou tele as janelas.
  • Utilize roupas que minimize a exposição da pele, proporcionando assim maior proteção contra as picadas dos mosquitos principalmente durante o dia, período que são mais ativos.
  • Evite automedicação, não utilize medicamentos a base de AAS (ácido acetilsalicílico).
  • GESTANTES procurem a unidade de saúde e façam o acompanhamento de Pré Natal, acompanhe com a equipe de Estratégia de Saúde da Família, ela poderá fazer o cadastro de SIS Pré Natal e entregar o repelente.

 

Em caso de suspeita de Dengue, Zika e Chikungunya procurar o serviço de saúde mais próximo o quanto antes, pois quanto mais tempo há de demora em realizar o acompanhamento mais risco é de agravamento da doença.

 

 

Fonte: Vigilância Epidemiológica de Afonso Cláudio. (2019)