Beneficiários do BPC devem se inscrever no Cadastro Único até dezembro

Idosos e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) têm até dezembro para serem incluídos no Cadastro Único (CadÚnico) para Programas Sociais. O Cadastro é feito no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) Afonso Cláudio, das 7 às 16 horas. O registro é obrigatório.

Para fazer o Cadastro Único, é necessário apresentar os seguintes documentos de todos os membros residentes no domicílio:

– CPF

– Carteira de identidade (dos membros que possuem)

– Título de eleitor (maiores de 16 anos)

– Carteira de trabalho (maiores de 18 anos)

– talão de energia atualizado

– Certidão de nascimento e/ou casamento

– Declaração dos filhos que encontram-se estudando e que residem no domicílio

O BPC, também conhecido como benefício LOAS, é um benefício mensal no valor de um salário mínimo voltado para idosos acima de 65 anos e pessoas com deficiência com renda familiar de até um quarto de salário mínimo por pessoa (R$ 238 reais).

A gestora do CadÚnico de Afonso Cláudio, Elaine da Cruz, explica que quem tem dificuldade de deslocamento, pode enviar um responsável para fazer a inscrição. “É importante lembrar que não precisa ser o próprio beneficiário para fazer esse cadastramento. Qualquer membro familiar, maior de 16 anos e que tenha capacidade de prestar as informações, pode ser o responsável familiar para responder o cadastro”, afirma.

O Cadastro Único reúne informações das famílias com renda per capita de até meio salário mínimo ou renda total familiar de até três salários mínimos e é utilizado por diversos programas sociais. Nele, são registradas as características da residência, a identificação de cada pessoa, a escolaridade, a situação de trabalho e renda, entre outras informações.

Informações à imprensa:
Assessoria de Comunicação PMAC
Karolina Gazoni
Tel: (27) 3735-4069
E-mail: comunicacao@afonsoclaudio.es.gov.br
Facebook: Prefeitura de Afonso Cláudio
Instagram: @euamoafonsoclaudio